Projetos de Estruturas Mistas


PROJETOS DE ESTRUTURAS MISTAS

Os Projetos de Estruturas Mistas vêm cada vez mais sendo utilizadas no Brasil, a ponto dos edifícios mais “modernos” sendo construídos atualmente já contarem com sistemas estruturais mistos de aço e concreto, tais como: pilares mistos, vigas mistas e lajes mistas.

Denomina-se sistema misto aço-concreto àquele no qual um perfil de aço trabalha em conjunto com o concreto (geralmente armado), formando um pilar misto, uma viga mista ou uma laje mista.

mista1

Em Projetos de Estruturas Mistas, a interação entre o concreto e o perfil de aço pode se dar por meios mecânicos (conectores, mossas, ressaltos, etc.), por atrito, ou em alguns casos , por simples aderência e repartição de cargas.

Desde a publicação da revisão da NBR 8800 em 2008, o uso de estruturas mistas e consequentemente os Projetos de Estruturas Mistas vem aumentando no Brasil de forma acelerada.

A maior disponibilidade de perfis “W” e “HP” distribuídos pela “Gerdau” em todo o território nacional, bem como os avanços nos softwares e equipamentos de fabricação (ex.: maquinários com CNC) trouxeram maior agilidade na elaboração de projetos, detalhamentos e aquisição de matéria-prima, resultando numa utilização maior destas soluções em obras da construção civil.

APLICAÇÕES

As aplicações mais usuais das estruturas mistas atualmente se concentram em vigas (vigas mistas com conectores tipo “stud-bolt”) e lajes (lajes mistas tipo “steel-deck”), apesar da utilização de pilares mistos estar aumentando bastante nos últimos anos no Brasil.

NORMAS TÉCNICAS VIGENTES

As ESTRUTURAS MISTAS DE AÇO-CONCRETO executadas no Brasil devem atender às prescrições das seguintes normas técnicas da ABNT:

– NBR 8800:2008 – Projeto de Estruturas de Aço e de Estruturas Mistas de Aço e Concreto de Edifícios

– NBR 16239:2013 – Projeto de Estruturas de Aço e de Estruturas Mistas de Aço e Concreto de Edificações com Perfis Tubulares